Estratégias para controlar a dor

Estava pela manhã lendo meus textos de Processos Psicológicos Básicos e encontrei um quadro logo no final da página que ensina como aplicar táticas de controle de dor. Não existe coisa mais desagradável do que sentir dor, não é mesmo? Achei extremamente útil e vim passar pra vocês. 


Estratégias para Controlar a Dor:

1 Distração:
Se você voltar a sua atenção para estímulos indolores, freqüentemente poderá reduzir a dor. Por exemplo, você pode contar mentalmente de trás para a frente de 7 em 7 começando por 901; multiplique pares de 2; você pode também olhar fixamente para os detalhes de uma pintura ou um outro objeto, ou ouvir uma música atentamente.

2 Imagens Mentais:
Uma das formas de distração é a imagem mental. Criar uma imagem mental vívida pode ajudar a controlar a dor. Geralmente as pessoas criam um cenário agradável e progressivo como andar pela praia ou escalar uma montanha Imagens Mentais agressivas também podem ser úteis, por exemplo, imaginar que você está lutando contra um inimigo, ou dirigindo um carro de corrida. Seja o cenário que você quer usar, tente imaginar todas as sensações envolvidas incluindo as visões, sons, aromas, sensações táteis e sabores. O objetivo é que você fique tão absorvido pela sua fantasia que não pense na dor.

3 Monólogo Positivo:
Essa estratégia envolve fazer afirmações positivas, em silencio ou em voz alta, de como lidar com situações durante um episódio ou um procedimento doloroso. Exemplos de monólogos positivos incluem afirmaçõs do tipo "dói, mas eu estu bem; eu controlo a situação"; "é desconfortável, mas eu aguento".
Podemos redefinir e minimizar a dor usando monólogo, ao substituir os pensamentos de medo e de dor, sobre a experiencia da dor, por pensamentos realisticos e construtivos, você pode minimizar a dor. Por exemplo, um atleta em treinamento pode dizer " a dor significa que meus musculos estão ficando mais fortes"; uma pessoa que usa um aparelho ortodontico pode dizer que a dor significa que seus dentes estão indo pro lugar certo.

4 Contra-irritação:
A técnica da contra-irritação vem sendo usada a séculos. A contra-irritação reduz a dor, criando uma forte sensação de competitividade que é levemente estimulante ou irritante. As pessoas fazem isso instintivamente quando esfregam vigorosamente um machucado ou morde o lábio quando tomam uma injeção. Como explicar que esfregar uma área machucada pode reduzir a dor? As intensas sensações de dor e as sensações normais de tato são processadas por fibras nervosas diferentes que vão para a medula espinhal. Aumentar as sensações normais de tato interfere com a transmissão de sinais de dor de alta intensidade.
Quando você experimenta um procedimento de dor, pode criar e controlar um desconforto que competirá com ela, pressionando a unha do polegar no seu dedo indicador. Ao focalizar a sua atenção nessa dor, você pode amenizar a sua experiência global da dor.

5 Relaxamento:
Relaxamento profundo pode ser uma estratégia muito eficaz para aliviar as sensações de dor.
Uma estratégia simples para relaxar é respirar profundamente: inspire profundamente, expire lenta e completamente, liberando a tensão do corpo, especialmente no pescoço, ombros e peito. À medida que você expira, observe conscientemente a sensação de relaxamento e entusiasmo que você produziu no seu corpo.

~  Espero que essas dicas os ajudem em alguma situação tensa xD
Beijos em todos...


@indianarafdes

11 Observações:

AS GAROTAS ! 26 de março de 2011 19:43  

Otima dica adoreiii


beijos
http://leiturait.blogspot.com/

AS GAROTAS ! 26 de março de 2011 19:46  

Otima dica adoreiii


beijos
http://leiturait.blogspot.com/

Felipe 26 de março de 2011 19:50  

hmm isso eu fazia mas sem conhecer aeuhuehea nos meus treinos quando começava a sentir dor eu fazia essas coisas (distração,imagem mental e o monologo normalmente esses pq eu nao conseguia relaxar xD ) mas é uma boa para as pessoas que não sabem disso, continue com os otimos posts heauha

Vai de Táxi! 26 de março de 2011 19:53  

Ah, Obrigado. =D
TO seguindo aqui também.

Tu é de campina grande é? Terra boa. conheço pessoas dai, qua talvez até tu possa conhecer...

Luis Auditore 26 de março de 2011 20:49  

Voltou com tudo em Indy?
hehe, essa deu bem, para quem precisa, Esse blog é a salvação o/
hehe

Bjos Mami! =D

Ana 26 de março de 2011 21:18  

otimo post Indy!!! ja fazia algumas dessas coisas, mais acho que nunca tinha parado pra refletir o porquê de elas ajudarem!

sucessooo...

Aninha Nóbrega

Vai de Táxi! 26 de março de 2011 21:20  

então.

Conheço...

Raissa. Ela se formou recentemente em Historia ai na federal (se nao me engano). tem um filhinho pequeno, chamado Hugo. Ela magra, meio ruivinha.

Yuri. O namorado da raissa, que faz psicologia tambén na federal dai.

E tinha Liana também, mas liana ta morando na europa ha um tmepo já.

se quiser me add no msn ai q te falo melhor.
guivea@hotmail.com

beijos

Vai de Táxi! 26 de março de 2011 21:20  

ops errei o msn.

guives@hotmail.com

agora ta certo.
=*

Edi Reis 27 de março de 2011 10:23  

Muito bom isso!
Achei muito interessante!!
Acho que o que não podemor é ficar inertes frente à dor!
Bjoo
http://feedbackpositivoagora.blogspot.com/

Edi Reis 27 de março de 2011 11:33  

Gostei muito desse post mesmo!!

bjoo
http://feedbackpositivoagora.blogspot.com

Roseane 31 de março de 2011 18:56  

Muito boas as dicas. Certamente serão mto úteis para meus momentos de dor de cabeça, hehehehe!

Abração!

Postar um comentário

"A palavra foi dada ao homem para explicar os seus pensamentos, e assim como os pensamentos são os retratos das coisas, da mesma forma as nossas palavras são retratos dos nossos pensamentos."
Jean Molière.

Estarei retribuindo seu comentário.

Um pouquinho sobre mim.

Minha foto
Campina Grande, Paraíba, Brazil
Meu nome é indígena e significa Deusa das Águas Claras. Tenho 21 anos e sou Estudante de Psicologia da UFCG e divido moradia com mais dois estudantes. Adoro animaizinhos,principalmente gatinhos! Sou muito introspectiva e pensativa, talvez por isso a idéia de montar um blog já que a escrita me satisfaz. Gosto de coisas estranhas, músicas estranhas,misticismo, filmes do Tim Burton e chocolate crocante. Adoro aprender, sou curiosa ao extremo e adoro discutir sobre assuntos interessantes. Gosto muito de ler (gosto que foi alimentado por um grande amigo), caso contrário, nem faria Psicologia! Adoro observar a água,porém, ainda não descobri o porquê.

Sobre o Projetando Rascunhos

Blog destinado à minha vontade de postar qualquer coisa que faça sentido para mim. Qualquer coisa mesmo! Até chocolate, quem sabe!
;*

Eles me seguem, me siga também